terça-feira, 24 de março de 2015

As lições

O que aprendi com o teatro? Bom, em primeiro lugar eu aprendi que nunca vou parar de aprender. Viver é um constante aprendizado e, se a vida imita a arte e o teatro representa a vida, então fazer teatro é aprender a cada nova experiência. Aprende-se o tempo todo e até sem perceber! São valores que um ator deve ter sempre consigo durante seu fazer teatral e que todo aquele que vive em sociedade deve praticar diariamente. Com o teatro eu aprendi...

- Que saber ouvir é primordial
Não basta ouvir. É preciso estar atento e compreender o que se ouve! De que adianta você estar ouvindo o que o colega de cena fala esperando a sua deixa e se ela for dita de maneira diferente da prevista você se embananar todo porque não estava prestando atenção?

- A ter comprometimento
Horário é horário, então não chegue atrasado. Quando você se atrasa você atrapalha o trabalho de todo o grupo e não apenas o seu. Tenha comprometimento com o que faz e faça de coração! Estude, leia, decore e não ferre os colegas.

- A respeitar. Você não é melhor do que ninguém!
Do cara que está no palco até o cara que dá o play na sonoplastia... Todos têm a mesma importância! Do cara que veste e branco e te examina num consultório até o cara que varre a rua... Todos merecem o mesmo respeito! E seguindo essa linha de pensamento...

- Que no teatro não há espaço para egos inflamados
Não existe personagem pequeno. Cabe ao ator dar o melhor de si e fazer o personagem ganhar destaque com seu trabalho.

- Que aquecimento é importante
Se não der uma bela alongada no corpo, uma aquecida e, principalmente, se não cuidar da voz... Esqueça! Você vai terminar cada apresentação com dores terríveis pelo corpo, com dor de cabeça e sem voz.

- A ter calma e respirar
É uma droga prestar atenção na própria respiração, pois parece que ela sai do "automático". Mas essa automação deixa nossa respiração toda errada. A correria do dia a dia faz isso com a gente! Então tenha calma e respire sempre... Sinta seus pulmões se encherem de ar, seu diafragma se dilatar e me agradeça ao perceber o quanto isso ajuda na sua projeção vocal. De nada!

- Que brincadeira tem hora
Não queira ser o engraçadão da turma. Há o momento certo e a maneira certa de brincar.

- A olhar nos olhos
Quem desvia o olhar normalmente está mentindo. Encare seus colegas, procure olhar nos olhos de seu interlocutor e uma química inexplicável se dará, você vai ver!

- A deixar os problemas do lado de fora
Você tem problemas? Todo mundo têm! Mas é preciso deixá-los do lado de fora e permitir-se submergir no universo teatral, seja numa simples aula ou num ensaio e, principalmente, em dia de apresentação. Ninguém vai ao teatro pra saber dos seus problemas, mas sim para acompanhar os conflitos dos personagens e a história do espetáculo.

- Que se o mundo é um ovo, o universo teatral é ainda menor
O mundo gira, caro colega! Hoje quem diz não, amanhã pode precisar que alguém lhe diga sim. E nesse meio você sempre vai precisar da ajuda de alguém, pra alguma coisa, em algum momento. Vamos falar o Português bem claro... Existe muito filho da puta no mundo e no meio artístico existe o dobro! Apenas não seja um deles e fique esperto pra não ser passado pra trás por eles. Lembre-se: Não é preciso usar ninguém de degrau pra conseguir subir na vida!

Pra encerrar deixo um conselho: Quando você achar que está bom, saiba que ainda é possível melhorar muito!

Nenhum comentário:

Postar um comentário